O zagueiro brasileiro Thiago Silva, o atacante Eric Maxim Choupo-Moting e o goleiro espanhol Sergio Rico renovaram seus contratos com o Paris Saint-Germain nesta segunda-feira até o final desta temporada, que foi interrompida pela pandemia de coronavírus, informou o clube parisiense.

Os três jogadores “poderão, assim, participar das finais da Copa da França – contra o Saint-Étienne em 24 de julho – e da Copa da Liga – contra o Lyon em 31 de julho -, além de disputar o torneio final da Liga dos Campeões de 12 a 23 de agosto em Lisboa”, afirmou o PSG.

Em meados de junho, o diretor esportivo do clube, o brasileiro Leonardo, anunciou a saída de Thiago Silva e do atacante uruguaio Edinson Cavani, ambos no final de seus contratos.

Outros jogadores estavam nessa situação, como Rico, Choupe-Moting e o zagueiro belga Thomas Meunier, que já se comprometeu com o Borussia Dortmund para a próxima temporada.

Em seu comunicado, o PSG não menciona os casos de Cavani e Meunier, embora o Dortmund já tenha se mostrado disposto a permitir que o lateral belga jogue a Liga dos Campeões com o clube francês.

Foto: Reprodução/AFP