CearáFortalezaNotícias

Suspeito de chefiar tráfico de drogas e de armas nos bairros Serrinha e Barroso é preso

O homem apontado por chefiar um grupo criminoso com atuação nos bairros Serrinha e Barroso, na Área Integrada de Segurança 5 (AIS 5) de Fortaleza, foi preso pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE). As investigações foram conduzidas pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) e a captura ocorreu na última terça-feira (27). As informações foram divulgadas em coletiva de imprensa, na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), nesta quinta-feira (29).

Alan Darlan Batista de Lima, 30 anos, conhecido por “Bida”, era alvo de diligências conduzidas pelos policiais civis da Draco, após o levantamento de informações que ele ocupava um relevante cargo dentro de um coletivo criminal. “Bida” é suspeito de comandar o tráfico de drogas e de armas nos bairros Serrinha e Barroso e regiões circunvizinhas. Por meio de diligências, os policiais civis chegaram ao endereço do homem, em Itaitinga.

Foi então que na noite de terça-feira, a Polícia Civil abordou “Bida” quando este se aproximava de sua casa. Inicialmente, nada de ilícito foi encontrado com ele. Mas após busca dentro do imóvel, as equipes encontraram um revólver calibre 38, com cinco munições, mais de R$ 1.200,00 em espécie, celulares e comprovantes de depósito. Em sua ficha criminal, Alan Darlan já responde por tráfico de drogas, associação para o tráfico, associação criminosa e por dirigir sem habilitação. Ele foi encaminhado à sede da Draco, onde foi autuado em flagrante por integrar organização criminosa, por posse irregular de arma de fogo e por receptação em razão da arma de fogo não ter sua procedência confirmada pelo suspeito.

Denúncias

Para combater a atuação de grupos criminosos no Estado, a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) conta com a participação da população para repassar informações que auxiliem os trabalhos investigativos. Por isso, a unidade especializada da Polícia Civil do Ceará mantém um número de WhatsApp para receber denúncias de ações criminosas em todo o Estado. A população pode enviar mensagens de texto, áudios, fotos e vídeos para o número (85) 98969-0182. As denúncias também podem ser feitas, por meio de ligação gratuita, para o 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). O sigilo e o anonimato são garantidos.

Foto: Reprodução/ Internet

Tags
Exibir Mais

Brenda Bezerra

Estudante de publicidade e propaganda, produtora de moda e criadora de conteúdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estúdio Ao vivo

Abrir Rádio
Fechar