Foto/Reprodução: Internet

Nesta sexta-feira, 5, o prefeito de Fortaleza José Sarto Nogueira (PDT) fez um apelo para a população evitar circular pelas vias do município, que entrou hoje, em estado de lockdown para combater o avanço da segunda onda da pandemia da Covid-19.

“Obedeçam ao decreto. Estamos em um isolamento social rígido, só saia de casa para situações exclusivas que o decreto permite”, disse Sarto em entrevista a verdes mares. 

A redução do número de pessoas na Capital já vem mostrando resultado em hospitais da cidade. Segundo o prefeito, o Instituto Dr. José Frota (IJF) registra queda na quantidade de pacientes atendidos por trauma, liberando assim mais leitos para o atendimento dos infectados pelo novo coronavírus.

“O leito, que antes iria para um paciente por conta de um trauma, agora estar liberado para um paciente que precisa por conta da Covid”, explicou.

esgotamento da saúde mental e física dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente de combate à doença também foi rememorado pelo Chefe do Executivo Municipal.

“Eles são pessoas também, eles sentem. Eles se chocam. Tenho uma filha médica e ela, por diversas vezes, fica depressiva por que está entubando muita gente. Isso traumatiza as equipes de saúde. Há um esgotamento por parte deles”, disse. 

Hospital de campanha do PV

Questionado sobre o que foi feito com os equipamentos utilizados no hospital de campanha instalado no Estádio Presidente Vargas, Sarto afirmou que os objetos foram distribuídos entre as unidades de saúde administradas pelo município. 

“A estratégia que estamos utilizando é a de usar todas nossas unidades hospitalares, que foram reformadas e ampliadas, para expandir os leitos nesses equipamentos”, disse o prefeito descartando a possibilidade de reativar o hc do pv.

A unidade no estádio municipal foi desativada em setembro de 2020. Construída em menos de um mês, contava com 280 leitos e que contabilizou um total de 1.239 pacientes atendidos, registrando 1.025 pacientes com alta.