Pelo segundo domingo consecutivo, diversos manifestantes foram às ruas protestar contra o governo do presidente Jair Bolsonaro. Os movimentos anti-governo crescem à medida que a pandemia do novo coronavírus deixa mais mortes e infectados pelo país.

Em Brasília, centenas de pessoas caminharam pela manhã na Esplanadas dos Ministérios em Brasília para se expressar contra o líder de ultra direita.

Diversos cartazes pela democracia foram erguidos, mas houve coro ‘contra o racismo e o fascismo’.

Em São Paulo, também em solidariedade ao movimento Black Live Matters, que ganha o mundo, os manifestantes se concentraram no Largo da Batata.

No Rio, os manifestantes se deitaram no chão em memória aos últimos minutos de vida de George Floyd, um afroamericano morto por um policial branco no dia 25 de maio, nos Estados Unidos (EUA).

Centenas de pessoas gritaram contra os abusos policiais, assim como nos protestos que tomam o mundo.

Mais cedo, Bolsonaro divulgou imagens com apoiadores nas redes sociais.

Também foram registrados protestos em favor do presidente, mas com menor concentração de pessoas.

Confira a matéria:

Foto: AFP