CearáCoronavirusCuidadosFortalezaNotícias

Prefeitura anuncia marcações em filas de lotéricas e entrega antecipada de leitos em UPAs

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, anunciou em transmissão ao vivo nesta terça-feira (31) a implantação de marcas no chão para organizar filas de bancos e agências lotéricas para evitar possíveis transmissões de coronavírus,e divulgou a entrega antecipada de leitos de expansão das Unidades de Pronto Atendimento (Upas).

Roberto Cláudio, diagnosticado com novo coronavírus, garantiu que a quarentena pessoal termina na quinta-feira (2) e na sexta-feira (3) volta a cumprir compromissos fora de casa.

Em relação às lotéricas e bancos, a Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) ficará responsável por fazer marcações com cal nos principais estabelecimentos do tipo na cidade. A medida foi tomada diante da aproximação do período do mês em que as pessoas geralmente sacam salários e benefícios e pagam as contas.

Outro ponto abordado pelo prefeito foi a antecipação da entrega dos leitos extras de cinco Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) geridas pelo município. O prazo inicial estava marcado para até o dia 30 de abril. Contudo, todas deverão ser entregues até o dia 15, sendo a primeira, no bairro Edson Queiroz, na sexta-feira (3).

Os equipamentos são:

  • UPA do Dendê, no Bairro Edson Queiroz (20 leitos)
  • UPA do Bom Jardim (20 leitos)
  • UPA do Vila Velha (20 leitos)
  • UPA do Jangurussu (40 leitos)
  • UPA do Itaperi (40 leitos)

Hospital de campanha no Estádio Presidente Vargas

Um dos primeiros compromissos de Roberto Cláudio ao sair da quarentena pessoal é a visita à montagem do hospital de campanha que ocorre no Estádio Presidente Vargas (Benfica). Segundo o gestor, a estrutura deverá estar pronta em 20 de abril para atender os casos mais graves do novo coronavírus.

O prefeito ainda reforçou a importância de ficar em casa, disse que se trata de uma responsabilidade coletiva e, é um ato de cidadania.

Foto: Reprodução

Tags
Exibir Mais

Edinaele Santos

Jornalista e Produtora, 22. Além de registrar fatos, o jornalismo escreve histórias que serão contadas por gerações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estúdio Ao vivo

Abrir Rádio
Fechar