O número de mortes por Covid-19 na França passou de 10 mil nesta terça-feira (7), informou o governo local. Além disso, as autoridades de saúde estimam que o total de casos do novo coronavírus passe de 100 mil, entre pacientes em hospitais e idosos em casas de repouso.

A França é o quarto país a passar a barreira dos 10 mil mortos pela Covid-19. Os outros países são (números desta terça):

  • Itália — 16 mil mortos
  • Espanha — 13 mil mortos
  • Estados Unidos — 11 mil mortos

Como as autoridades francesas divulgam a cada dia um balanço de mortos que inclui vítimas de dias anteriores, o país evita dizer que os números representam as mortes das 24 horas anteriores — o que não ocorre em outros países.

A França está há quase um mês com medidas rígidas de isolamento social em vigor. Nesta terça, o governo anunciou que pessoas que necessitem entrar em território francês precisarão apresentar um atestado às autoridades migratórias para comprovar que há segurança sanitária na viagem.

O primeiro-ministro da França, Edouard Philippe, reforçou o pedido para que as pessoas fiquem em casa e alertou que o relaxamento do confinamento “não ocorrerá amanhã”. Segundo ele, as restrições devem durar ao menos mais quatro semanas.

Foto: Reprodução