(Foto: Divulgação /Centro de Vivência)

As festas carnavalescas foram suspensas em todo o Piauí para evitar a disseminação do novo Coronavírus. Mesmo assim, os funcionários do Centro de Vivência Jatobá, em Teresina, decidiram visitar os idosos atendidos pela instituição com carros tocando marchinhas de Carnaval para diverti-los em casa.

No início do mês de fevereiro, segundo a coordenadora do centro, Stephanie Santos, eles receberam um kit para montar suas próprias máscaras de carnaval e poder decorar a casa para receber a equipe.

“Enviamos uma caixa com um kit para que eles pudessem fazer a sua máscara, pudessem decorar o espaço da casa deles. Nós os visitamos com um carro de som tocando marchinhas para que pudéssemos levar um pouquinho da alegria do carnaval para eles”, disse.

As visitas ocorreram nesta terça-feira (9) e quarta-feira (10) na residência de 20 idosos. Os profissionais passaram pelo bairro Angelim, povoado Salobro e residenciais Mário Covas, Betinho e Dignidade, todos na zona sul da cidade.

Stephanie contou ao jornal G1 que os idosos, assim como as famílias deles, ficaram bastante empolgados com a visita. Para ela, foi uma forma de suprir a falta que o Carnaval vai fazer este ano a eles.

“Para nós, foi bastante satisfatório o resultado. Eles fizeram máscaras, cartazes e esperaram muito felizes nossa visita. Eles se empolgaram bastante e as famílias deles também participaram. Essa visita conseguiu suprir a falta do Carnaval”, celebrou.

Atividades na pandemia

Apesar da pandemia, o Centro de Vivência e Fortalecimento de Vínculos para Pessoa Idosa Jatobá não deixou de promover atividades com eles. Além do Jatobá Itinerante, que são as visitas a domicílio, os profissionais enviavam materiais com exercícios aos idosos e ainda realizavam as práticas com o grupo através da internet.

“Tivemos que nos adaptar, porque o nosso público, por ser do grupo de risco, as atividades presenciais tiveram que ser suspensas. Alguns conseguiram participar das atividades pela internet e os outros a gente entrega, todos os meses, um kit com exercícios para fazer em casa”, relatou a coordenadora.

Dos 100 idosos atendidos pela instituição, cinco deles chegaram a contrair o novo Coronavírus e um faleceu em decorrência da doença causada pelo vírus.

O Centro de Vivência Jatobá foi inaugurado em agosto de 2019. Trata-se de um espaço onde os idosos realizam atividades, como oficinas de artesanato, dança, rodas de conversas, jogos e entre outros.

Com informações do G1.com