Mídias SociaisMundo Digital

Facebook testa novo layout para páginas parecido com o Instagram

Mudanças excluem curtidas de uma página e exibem apenas o número de seguidores; também será mais fácil aos administradores gerenciar permissões de acesso

Facebook está testando um novo design para suas páginas no app móvel, muito parecido com o estilo do Instagram e Twitter. A novidade elimina as curtidas de uma página, assim como o botão “curtir”. Em vez disso, são exibidos apenas o botão “seguir” e o número de seguidores.

Esses e outros novos recursos foram testados inicialmente com um pequeno grupo de figuras públicas no aplicativo, como atores e bandas musicais, mas agora estão sendo expandidos para um número maior de páginas, incluindo as comerciais em inglês.

Segundo a rede social, o novo layout das páginas vai facilitar a visualização de informações importantes de uma página, como a biografia e as postagens. Além disso, os proprietários de páginas poderão se conectar melhor aos seguidores e alternar rapidamente entre o perfil pessoal do Facebook e a página pública que gerenciam.

Comparação do novo layout (direita) com versão atual (esquerda). Foto: Facebook

Também será mais fácil gerenciar permissões de acesso de administrador, entre outras tarefas, em uma tela “Editar Acesso” atualizada. Nela, os proprietários podem ativar e desativar tarefas de gerenciamento específicas, como quem pode criar conteúdo, enviar mensagens diretas, criar anúncios, responder a comentários e muito mais.

O Facebook não informou quando a atualização será lançada de forma mais ampla. Também existe a chance da novidade não ser disponibilizada, já que é apenas um recurso experimental.

Aplicativos integrados

No início do mês, o site WABetaInfo, listou alguns registros recentes indicando os primeiros indícios da integração dos aplicativos WhatsApp, Facebook Messenger e Instagram Direct, anunciada por Mark Zuckerberg em 2019.

No caso, o app ganharia uma espécie de atalho para o Messenger – mas ainda não uma integração entre contatos e conversas. A função seria direcionar o usuário para fazer o download do Messenger e conversar com os amigos por lá.

Ao mesmo tempo, o WABetaInfo destacou alguns desafios que o Facebook pode estar enfrentando para tornar a integração real. A rede social precisaria definir uma maneira de enviar conteúdo de um app para um servidor para que ele seja acessado por outro, ao mesmo tempo que precisa manter a criptografia de ponta a ponta que já existe no WhatsApp.

Fonte: Olhar Digital 
Foto: Reprodução/Internet

Tags
Exibir Mais

Thaynara Pinheiro

Designer de Moda, trabalha com produção de conteúdo, fotografia e tem um pé no design gráfico. Sempre disposta a ajudar e a fazer de tudo para os jobs saírem perfeitos. Responsável pela coordenação de conteúdos, marketing e criação de projetos do Portal Siará News e pela produção do programa Siará Digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estúdio Ao vivo

Abrir Rádio
Fechar