Foto: Reprodução

Com a escassez de vacina contra a covid-19 os pontos de vacinação tem que ser bem rigorosos, cada frasco do imunizante contém entre 5, 6 ou 10 doses, dependendo da vacina, e deve ser aproveitado completamente.

No entanto, ao fim do dia, podem sobrar doses dos frascos abertos. Confira como as cidades cearenses usam as sobras diárias das vacinas:

A ordem emitida pelo Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Ceará (Cosems-CE), é fazer o possível para que não haja sobras nos frascos, para evitar o máximo de desperdício.

Portanto, as doses remanescentes podem e devem ser distribuídas à população, que está próxima do local de aplicação, as mesmas são convocadas por mensagem de texto via telefone. As doses também podem se deslocar até as pessoas agendadas para fazer o uso da vacinação em casa.

A única exigência emitida pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), é que as vacinas sejam aplicadas em pessoas que estão no grupo prioritário atual.

Sendo assim, não é possível vacinar pessoas que não estão nos grupos prioritários, também não sendo permitido vacinar pessoas dos próximos grupos prioritários. A população que toma as vacinas remanescentes recebe o cartão de vacina e tem direito à segunda dose normalmente.

Quais imunizantes são utilizados no Ceará?

Atualmente os grupos prioritários estão sendo vacinados com três imunizante diferentes, são elas:

  • Coranavac/Sinovac/Butantan.
  • Astrazeneca/Fiocruz.
  • Astrazeneca/Fiocruz/Serun Institute of India.
  • Pfizer.