Foto: Reprodução

A Polícia Ciivil encontrou, na tarde do último sábado (17), o corpo de um adolescente que estava desaparecido há mais de 45 dias em Capistrano, no Maciço de Baturité.

De acordo com as as investigações, um adolescente de 16 anos e um homem de 24 anos são apontados com os responsáveis pela morte do jovem e pela ocultação do corpo. Após o crime, os suspeitos enterraram o corpo da vítima em uma cova funda.

O local do crime, como indicam as apurações policiais, foi nas proximidades da região conhecida por “Açude do Tronco”, em Capistrano.

De acordo com a polícia, as investigações iniciaram após familiares da vítima procurarem a Polícia Civil para comunicar o desaparecimento do jovem.

Ciúmes

De acordo com a polícia, a vítima teria se tornado alvo dos suspeitos após ter dito algo sobre a roupa que a companheira do suspeito de 24 anos estava vestida, o que levou os suspeitos a acreditarem que a vítima teria interesse em se relacionar com a mulher. Ainda conforme as apurações policiais, suspeitos e vítima eram amigos e envolvidos em roubos na região.

O homem suspeito já se encontra recolhido no sistema prisional desde o dia 30 de março deste ano, segundo a polícia. Ele acumula antecedentes criminais por tentativa de homicídio, receptação, ameaça, resistência, corrupção de menores, tráfico de drogas, associação para o tráfico e por integrar organização criminosa. Já o suspeito adolescente, que já responde a um ato infracional análogo ao crime de tráfico de drogas do ano de 2020, foi conduzido e ouvido pelos investigadores.

Em depoimento, ambos confessaram o crime e indicaram a localização do corpo da vítima para as equipes policiais. Os dois responderão a um inquérito policial e a um ato infracional análogo aos crimes de homicídio qualificado e ocultação de cadáver.

A Polícia Civil apura o envolvimento de uma terceira pessoa na morte do homem.

Com informações de G1 Ceará