Secretário da Saúde, Dr. Cabeto, e o governador Camilo Santana no anúncio das novas regras de liberação das atividades nesta sexta-feira — Foto: Reprodução

O governador do Ceará, Camilo Santana, anunciou em uma live as medidas do novo decreto nesta sexta-feira (11), o decreto entra em vigor a partir de segunda (14), com autorização para retomar aulas presenciais em todas as escolas de ensino médio, para todas as turmas.

Além das escolas, os cinemas, teatros, museus e bibliotecas devem abrir, mas com capacidade limitada e com protocolos de segurança.

Também foi autorizado a ampliação na capacidade de público de templos religiosos, igrejas, academias e parques. As areninhas e espaços esportivos também voltam a abrir.

No entanto, o toque de recolher de 23h às 5h ainda continua em vigor.

O comércio não sofre alteração, às regras para empresas de alimentação fora do lar segue com horário de funcionamento até as 22h, ainda seguindo as medidas anunciadas na última sexta-feira (4).

As medidas são válidas apenas para quatro das cinco regiões do Ceará, o Centro Sul/Cariri não é incluso, devido à grave situação da pandemia.

“No Ceará, em todas as regiões, estamos tendo uma estabilidade. Mas não há redução nas semanas anteriores. Isso mostra que devemos ser prudentes nas medidas de isolamento social e usar máscara”, afirmou o Dr. Cabeto, secretário de Saúde do Ceará, que também estava presente na live.

Em Fortaleza, a taxa de mortalidade segue em queda em pacientes acima de 80 anos e na população abaixo dos 69 anos, segundo o médico Cabeto isso se deve à vacinação.

Grupos vacinados com 1ª dose em Fortaleza

  • Trabalhadores da saúde: 114.261
  • Idosos acima de 75 anos: 102.934
  • Idosos de 60 a 74 anos: 245.249
  • Forças de segurança, salvamento, forças armadas e funcionários do sistema de privação de liberdade: 17.033
  • Comorbidades, gestantes, puérperas, pessoas com deficiência grave: 44.423
  • Trabalhadores da educação: 50.784
  • Trabalhadores do transporte aéreo: 1.133
  • Trabalhadores portuários: 1.293
  • Pessoas em situação de rua: 745
  • População em geral: 55.090

O número de pessoas vacinadas com a segunda dose são 1.090.947.