DestaquePandemia

Brasil recebe primeiras doses da CoronaVac

O Brasil recebeu nesta quinta-feira (19) o primeiro lote com 120 mil doses da vacina CoronaVac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac Biotech.

A vacina, que chegou ao país por meio de um convênio com o Instituto Butantan, vinculado ao governo de São Paulo, se tornou motivo de disputa entre o governador João Dória e o presidente Jair Bolsonaro.

Nas redes sociais, Dória postou um vídeo direto do aeroporto em que classificou a entrega das doses como ‘um marco muito importante’.

O confronto entre o presidente e o governador de São Paulo se intensificou na semana passada, quando a Anvisa suspendeu o ensaio clínico da vacina, com a justificativa de que havia ocorrido um ‘incidente grave’ durante os testes.

Bolsonaro comemorou nas redes sociais a paralisação do estudo, motivado pelo suicídio de um voluntário.

O convênio entre a Sinovac e o Instituto Butantan contempla o envio de um total de 6 milhões de doses até o final do ano, assim como a entrega de matéria-prima para a fabricação de outras 40 milhões de doses.

Tags
Exibir Mais

Edinaele Sousa

Jornalista e Produtora, 22. Além de registrar fatos, o jornalismo escreve histórias que serão contadas por gerações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estúdio Ao vivo

Abrir Rádio
Fechar