CearáDestaquePolítica

André Costa deixa Secretaria da Segurança do Ceará, diz Camilo Santana

O governador do Ceará, Camilo Santana, anunciou nesta quinta-feira (3) que o secretário da Segurança, André Costa, deixa o cargo no governo.

“Comunico aos cearenses mudança no comando da nossa Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social. O secretário André Costa deixa o cargo após três anos e oito meses, a pedido“, afirmou Camilo Santana, em rede social. “Agradeço ao delegado André Costa pelo grande trabalho realizado até aqui”, completou.

André Costa também se manifestou por redes sociais, afirmando que está deixando o cargo por questões familiares. Agradeceu também ao povo cearense e ao governador Camilo Santana.

“Despedidas nunca são fáceis. Agradeço a todos os profissionais da segurança pública que estiveram comigo durante esses 3 anos e 8 meses. Superamos desafios e enfrentamos muitos obstáculos. Gostaria também de agradecer a todo povo cearense pelo apoio e carinho. Vocês sempre me preencheram de força para vencer qualquer inimigo”, diz.

“Agradeço a minha família por todo esse tempo ser âncora para meus pés e sustento em dias difíceis. Deus, obrigado por me sustentar e guiar meus passos. Estou saindo a pedido por questões familiares. Agradeço ao governador Camilo Santana pela oportunidade, confiança, liderança e amizade. Desejo sorte e muito sucesso ao colega Delegado Sandro Caron. Que a segurança pública do Estado do Ceará siga avançando. Forte Abraço a todos e todas”, finaliza André Costa.

Ainda conforme o governador Camilo Santana, o cargo será ocupado por outro policial federal, Sandro Caron, que já foi superintendente da PF no Ceará e no Rio Grande do Sul. Sandro Caron já comandou a Divisão Nacional de Inteligência Policial (DIP) e foi funcionário diplomático da Polícia Federal na Embaixada do Brasil, em Lisboa.

O novo secretário assume o cargo na próxima semana, segundo comunicado de Camilo Santana, “para nos ajudar no combate à criminalidade no Ceará”.

Fonte: G1
Foto: Reprodução/Internet

Tags
Exibir Mais

Edinaele Sousa

Jornalista e Produtora, 22. Além de registrar fatos, o jornalismo escreve histórias que serão contadas por gerações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estúdio Ao vivo

Abrir Rádio
Fechar