Foto/Reprodução: Internet

Neste início do ano de 2021, a Sportsview oficializa sua participação no mercado brasileiro de esportes e entretenimento, prometendo soluções sob medida de mídia, broadcast e patrocínios para clubes, federações, plataformas de mídia, patrocinadores e investidores. A empresa tem como primeiro projeto a reformulação do Campeonato Carioca de 2021 e reúne em seu time executivos que são referências no segmento

A plataforma alinha-se aos novos tempos do cenário de inovação, tecnologia e boa gestão. Além disso, é liderada por três profissionais de grande experiência e credibilidade no mercado: Marcelo de Campos Pinto, advogado(esteve à frente da direção executiva de negócios de esportes do Grupo Globo por mais de 15 anos e é responsável por importantes mudanças na perspectiva do futebol no Brasil);

Com ele, participa do projeto Fernando Ferreira, economista, especialista em pesquisa de mercado e marketing esportivo, além de empreendedor em série e fundador do Grupo Pluri e, também Raul Costa Jr, jornalista, ex-diretor executivo de eventos da RBS e da Rede Globo. Ele conduziu coberturas dos principais acontecimentos esportivos do mundo, como Copas do Mundo e Olimpíadas.

A empresa promete soluções de excelência para seus parceiros. Negociação de direitos de transmissão, ótimas estratégias de distribuição de mídia, criação e produção de conteúdos digitais, soluções de fan engagement e gestão de patrocínio são alguns dos produtos no portfólio da Sportsview.

Campeonato Carioca 

A tradicional competição estadual será o primeiro projeto assinado pela empresa, em parceria com a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro, a FERJ, e os clubes participantes. O Campeonato Carioca de Futebol deste ano contará com 12 times na disputa do seu cobiçado troféu, e há meses é o foco dos empresários da plataforma em negociações e planejamentos.

A Sportsview atuará na reformulação do Campeonato Carioca como produto de entretenimento, se adequando às demandas atuais dos torcedores e parceiros de negócios. Isso inclui a negociação dos direitos de mídia e broadcast, a produção dos jogos (incluindo conteúdos de pré e o pós-jogos) e a comunicação digital do torneio.

Em suas novidades, uma nova casa para o campeonato na TV aberta, que tem propostas do SBT e da Record(a emissora de Edir Macedo está na frente pelos direitos de transmissões. A Globo está fora do páreo.)

Assim, a competição terá uma série de ativações inéditas no futebol brasileiro, a fim de ampliar o alcance e o engajamento do público que se interessa e consome o campeonato carioca, além do desenvolvimento de novas propriedades comerciais para que se adequem melhor às marcas parceiras.

“Estamos empenhados na conclusão de algumas negociações importantes para o Campeonato Carioca, e esperamos em breve comunicar essas novidades. Serão muitas, isso podemos garantir. A união das grandes marcas cariocas, que contam com mais de 60 milhões de torcedores em todo o Brasil e a confiança no projeto de revitalização da competição são garantias de um torneio atrativo, com grandes jogos em campo e muitas ações positivas fora dele”, alerta Marcelo de Campos Pinto.